6 vitaminas boas para a saúde da pele

6 vitaminas boas para a saúde da pele

As vitaminas são essenciais para garantir um bom funcionamento do organismo, isso é um fato. São excelentes fontes de energia, melhoram nosso raciocínio e previnem graves doenças. Juntamente com todos esses benefícios, as vitaminas são fundamentais para garantir uma pele saudável, jovem e bonita por mais tempo.

Até as pessoas menos vaidosas se incomodam com problemas de pele. Quem gosta de espinhas, cravos e rugas, não é mesmo?

Alguns cuidados básicos podem ajudar a prevenir problemas mais sérios, como usar protetor solar diariamente e fazer uso de cremes anti envelhecimento, mas sem os nutrientes certos, os problemas podem surgir ainda assim.

Nada melhor do que as vitaminas que, quando ingeridas, agem de dentro para fora na manutenção da pele saudável. Além de prevenir outras doenças e deixar o corpo mais saudável.

Conheça a seguir 6 vitaminas essenciais para ter uma pele bonita, confira:

  1. Vitamina A | Principal combate: acne
    Também conhecida como retinol, a vitamina A é encontrada com facilidade em vários alimentos que consumimos no nosso dia a dia, como abacate, brócolis, cenoura e espinafre. Possui poderosa ação antioxidante ajudando a restaurar pequenas lesões na pele. Portanto é uma grande inimiga da acne e ajuda a balancear a oleosidade da pele.
  2. Vitamina B2 | Principal combate: rugas
    Conhecida também como riboflavina, a vitamina B2 ajuda a aumentar a produção de energia.  A falta dessa vitamina no organismo pode causar lesões na pele e lábios e até doenças como dermatite, além de outras inflamações. É uma poderosa vitamina contra o cabelo e unhas ressecados e quebradiços. Além disso, acelera a renovação celular, o que proporciona uma pele mais firme e saudável, combatendo rugas e linhas de expressão. É facilmente encontrada no leite e seus derivados, e também no fígado bovino e alguns tipos de folhas verdes.
  3. Vitamina B3 | Principal combate: cravos
    Auxilia na circulação sanguínea, contribuindo para o metabolismo correto das gorduras, proteínas e carboidratos. Comumente encontrado em ovos e grãos.
  4. Vitamina B6 | Principal combate: lesões
    Possui poderosa ação cicatrizante pois age diretamente no sistema imunológico do corpo. Pode ser encontrada em alimentos como banana, batata, peito de frango, semente de girassol, salmão, atum e abacate.
  5. Vitamina C | Principal combate: envelhecimento
    Além de ser uma vitamina poderosa para evitar doenças como gripes e resfriados, a vitamina C também traz inúmeros benefícios para a saúde e aparência da pele. Seu consumo está altamente associado à uma menor probabilidade de pele enrugada e ressecada. A vitamina C é um poderoso antioxidante natural e auxilia na produção de colágeno que, por sua vez, é o principal responsável pela elasticidade e firmeza da pele. Ela pode ser encontrada principalmente em frutas cítricas, como laranja, limão, abacaxi e morango, e também em vegetais como repolho, cebola e pimentão.
  6. Vitamina E | Principal combate: envelhecimento
    Também possui ação antioxidante e protege as células das ações dos radicais livres, retardando assim o envelhecimento precoce da pele. Seu consumo pode ser realizado através de verduras como alface, agrião, espinafre e couve e também em óleos vegetais, semente de girassol, soja, banana, carnes e oleaginosas.

Infelizmente nem sempre conseguimos consumir todas essas vitaminas diariamente, portanto se a saúde da pele realmente é uma prioridade para você, mas a correria do dia a dia não te deixa introduzir todos esses alimentos no seu cardápio, você deve conhecer uma pílula chamada nutricosmético que nada mais é do que um suplemento que contém todas as vitaminas essenciais para uma boa saúde da pele. Clique e conheça mais  sobre o assunto: http://minhapeleperfeita.com/

Tipos de escova de cabelo

Tipos de escova de cabelo

Conheça abaixo os formatos mais comuns de escovas de cabelo.

Escova raquete: ideal para desembaraçar os fios e também ajuda na hora de secar o cabelo com o secador para dar direção e alinhamento aos fios. Seu uso é indicado para cabelos mais finos e lisos. Você pode ter uma grande em casa e uma pequena para carregar na bolsa, pois esse modelos de escova é prático e higiênico.

Escova clássica redonda: a escova redonda pode ser encontrada em diversos tamanhos. As escovas redondas de cerdas naturais são ideais para escovar e modelar os cabelos. Quanto maior o diâmetro da escova, maior o efeito liso no cabelo. Se você gosta de um cabelo liso, esticado e no lugar, aposta numa escova redondona de cerdas naturais! Já a escova redonda de cerdas naturais pequena é ideal para modelar e fazer belíssimos cachos. Proporciona um look moderno e despojado. Além disso, pode ser usada para alisar partes pequenas do cabelo, como a franja ou no caso de cabelos masculinos ou mulheres que tem cabelos curtinhos.

Escova de cerâmica: a escova de cerâmica é simplesmente incrível para diminuir o frizz! É super indicada para quem tem fios finos, frágeis ou com muito volume e frizz, pois proporciona um liso perfeito! Não é ideal para quem prefere mais volume e peso nos fios.

Abaixo conheça dois tipos de cerdas e suas aplicações.

Escova de cerdas naturais: elas têm uma maior aderência aos fios do cabelo, além de alisarem bem e proporcionarem mais brilho aos fios. As cerdas naturais são incríveis aliadas do cabelo com frizz, seja ele ondulado, cacheado, fino ou grosso. Infelizmente esse tipo de cerda não fixa muito bem os penteados, então na hora de modelar, invista em cremes com fatores termoativos.

Escova de cerdas plásticas: proporcionam maior durabilidade aos penteados e são indicadas para cabelos rebeldes, lisos e finos.

Veja como escolher o tamanho ideal de escova.

O tamanho da escova ideal varia muito de acordo com o tamanho do seu cabelo. Se for muito comprido, é interessante investir nas escovas redondas e enormes. Se for bem curtinho, vale mais a pena investir numa escova pequena. Já as escovas de tamanho médio podem ser usadas pela maioria das pessoas e também para detalhes, como modelar a franja, por exemplo. O ideal é que a escova complete pelo menos uma volta inteira na cabeça.

E escova que alisa, existe?

Existe! Recentemente foi lançada no mercado brasileiro a tal escova alisadora mágica, que alisa em quanto penteia. Visite o blog a seguir para saber mais sobre essa novidade: http://escovaalisadora.blogspot.com/

4 causas da queda de cabelo

4 causas da queda de cabelo

A queda de cabelo pode ser causada por diversos fatores. Independente do motivo, o que acontece é que ocorre uma perturbação da atividade da raiz que interrompe o ciclo de crescimento do cabelo, causando a queda.

1. Estresse
O estresse e desgaste mental, causados pelo cansaço mental e físico de uma rotina exaustiva e frenética, pode induzir a queda de cabelo. Manter uma rotina saudável, ter momentos para o lazer e investir numa boa noite de sono podem ajudar a retomar a saúde dos fios.

2. Saúde
Algumas doenças podem causar queda de cabelo, principalmente as doenças relacionadas a distúrbios hormonais. Algumas drogas também pode provocar a queda de cabelo, por isso é importante ler a bula e consultar um especialista, se for necessário.

3. Distúrbios hormonais
Os problemas, distúrbios e mudanças hormonais são uma das principais causas da queda de cabelo. Essas mudanças causam desequilíbrio no organismo, principalmente em mulheres.

4. Falta de vitaminas e dieta não balanceada
Em alguns casos, manter uma alimentação saudável, beber bastante água e praticar exercícios físicos regularmente pode ajudar a combater a queda de cabelo. Hoje em dia também existem no mercado alguns suplementos vitamínicos que ajudam a evitar a queda e estimular o crescimento do cabelo, como o Follixin.

Fonte: http://guiamaiscabelo.com/

Conheça os 6 tipos de obesidade

Conheça os 6 tipos de obesidade

Existem 6 tipos de gordura corporal acumulada. Conheça quais são e saiba como identificar a sua.

  1. Obesidade por alimentação
    É o tipo de obesidade mais comum do mundo. É causada por abuso de alimentos, principalmente doces e gorduras. Manter uma alimentação saudável e exercícios físicos regulares pode ajudar a reverter o problema.
  2. Obesidade abdominal
    Ocorre geralmente devido à ansiedade, stress e depressão. Pessoas que sofrem de obesidade abdominal possuem muita vontade de comer doce, principalmente durante o dia.
  3. Obesidade glútea
    Muito comum em mulheres, é a gordura que se acumula na área glútea durante a adolescência ou menopausa, geralmente causada por desequilíbrio hormonal. Evitar o sedentarismo, álcool e tabaco pode ajudar a reverter o problema.
  4. Obesidade metabólica
    Costuma causar a sensação de estômago inchado, pois a gordura tende a se acumular nessa parte do corpo. É causada principalmente pelo consumo excessivo de álcool e também pode causar problemas de respiração.
  5. Obesidade circulatória
    Geralmente causada por questões genéticas ou durante a gravidez, também acompanha inchaço nos pés. Neste caso é importante estimular a circulação praticando exercícios físicos regularmente.
  6. Obesidade por sedentarismo
    É uma gordura acumulada principalmente em homens que passam muito tempo sem fazer exercícios. Deve-se comer em intervalos regulares para não causar danos no metabolismo.